Casimiro e Enel realizam estudo de viabilidade técnico na subestação de energia elétrica

Visita ocorreu para avaliar a implantação da rede alimentadora que irá integrar a rede elétrica até a cidade

0
393
Estudo Técnico Enel - Crédito Jonathan Vidal (2)

Mediante aos esforços incansáveis do prefeito Ramon Gidalte para a retomada das obras da subestação de energia elétrica em Casimiro de Abreu, a concessionária ENEL enviou na manhã desta quarta-feira (04) um projetista para realizar um estudo técnico de viabilidade do circuito da rede elétrica até o local da obra.

Estiveram presentes o secretário de Obras, Habitação e Serviços Públicos, Marinaldo Júnior, o secretário de Planejamento, Mauro Goulart, o responsável pelo setor de iluminação pública no município, Pedro Renato e o projetista da ENEL, Cleber Oliveira.

“Serão instalados quatro redes de saída de energia elétrica, a partir da subestação, para alimentar vários setores: ramais 1 (novo) e 4 (já existente), para a sede; ramal 2, para a região serrana; e ramal 3, para Professor Souza. Teremos que realizar alguns serviços de podas de árvores e obter algumas licenças de órgãos federais para a travessia da rede até a subestação. Num prazo máximo de 30 dias todo este estudo estará finalizado. A partir daí a Enel pretende retomar as obras da subestação”, disse Marinaldo Júnior.

“O projeto de saída em quarto ramais irá proporcionar independência no fornecimento, para evitar que eventuais problemas para os ramais mais distantes causarem interferência em todo o sistema, como quedas de árvores ou acidentes com as estruturas de transmissão de energia”, segundo o técnico da ENEL, Cleber Oliveira.

Após o prefeito Ramon Gidalte estar reunido com o Diretor-Geral Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), André Pepitone, em Brasília, acompanhado da deputada federal Soraya Santos (PL-RJ), a concessionária Enel antecipou para o segundo semestre de 2022 o prazo para a conclusão da obra. A concessionária aguarda a liberação das licenças ambientais e fundiárias para reiniciar as obras em outubro deste ano.

FAZER UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui