Rio das Ostras, a cidade da boa música noturna

0
8098

Sair à procura de um barzinho em Rio das Ostras é praticamente sinônimo de ouvir boa música. A cidade é conhecida por ser um celeiro de artistas de nível, já que mantém um dos maiores festivais de jazz e blues da América Latina, um Centro de Formação Artística de nível técnico, além dos inúmeros eventos que fomentam o setor da música. É claro que isso reflete nos espaços de entretenimento do Municípo, que contratam músicos de boa formação e com repertório, que agrada a todos os públicos.

Do rock ao samba, do axé à MPB, do pagode ao blues, os gêneros musicais são diversos e todos eles muito bem executados. É o que diz o roqueiro Luan Schuenckel, por exemplo. “Eu gosto de tocar rock, mas com o tempo fui observando que dentro de todos os estilos musicais é possível tocar com qualidade. E foi por isso que busquei me qualificar na universidade e fazendo cursos de aperfeiçoamento. Eu quero que o público goste do que ouve. Em Rio das Ostras este mercado abriu os braços para mim”, contou o músico.

O Beer House, na localidade Jardim Marileia, é um dos mais bem frequentados locais de Rio das Ostras. O objetivo do espaço é unir boa gastronomia, cerveja diferenciada e música. No cardápio, tudo é feito com um toque de cerveja, atraindo a atenção de quem faz questão de apreciar a experiência de um local. No casting, o estabelecimento seleciona artistas de boa formação.

“A música faz toda diferença para mim. Quando cheguei lá e ouvi a música gostei de cara. Sei que ainda não estamos no melhor momento para dançar em grupo, mas sentada na mesa, cumprindo o isolamento já faz toda diferença para quem precisa espairecer a cabeça durante este tempo tão difícil da pandemia. O Beer House tem essa preocupação de cumprir à risca os protocolos sanitários sem perder a qualidade da música, da gastronomia e do atendimento”, contou a advogada Silvia Rocha.

“Rio das Ostras é uma cidade que já tem essa tradição de oferecer músicos de qualidade. Não é difícil contratar. Sabemos da importância de fortalecer o setor da música. Nosso público é exigente. Gosta de ouvir música boa. Então buscamos selecionar os melhores que a cidade têm”, disse Diego Henrique, sócio do Beer House.

FAZER UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui